outubro 2009

You are browsing the site archives for outubro 2009.

Evaldo Rosa de Oliveira   Introdução O filósofo francês Jean-Paul Sartre não escreveu apenas ensaios, romances e peças de teatro, mas também obras filosóficas. Sua filosofia consiste em colocar o homem como responsável por todos os seus atos. Lançado em um mundo sem justificativa, o indivíduo projeta-se no futuro, escolhe um sentido para sua vida, …

Continue reading A existência precede a essência: a condição humana em Sartre

Tiago da Silva Gomes   Pretende-se com este artigo identificar os passos seguidos pelo filósofo italiano Gianni Vattimo (1936- ) para a afirmação do “pensamento fraco” como característica emblemática da pós-modernidade, conforme apresentado por ele no capítulo X (“Niilismo e pós-modernidade em filosofia”) de sua obra O fim da modernidade. Vattimo é considerado um dos …

Continue reading O “pensamento fraco” como característica emblemática da pós-modernidade

O filósofo Alfred North Whitehead (1861-1947) quer entabular uma investigação dos tipos de entidades apresentadas ao conhecimento na apreensão sensível. Seu propósito é investigar as modalidades de relações que essas entidades de diferentes tipos podem guardar entre si. A classificação das entidades naturais é o prelúdio da filosofia natural. Nesse princípio é apresentado “O tempo”, como um fato a saber, que algo está se passando; há uma ocorrência a ser definida…………….

Continue reading O conceito de natureza: “O tempo”

Neste trabalho buscar-se-á fazer uma abordagem filosófica do conceito “vontade de potência”, segundo a filosofia de Friedrich Nietzsche. Tendo como suporte as obras “Assim Falava Zaratustra” e “Vontade de Potência”, buscou-se apontar aspectos gerais do tema e, principalmente, aqueles que comprovam o objeto específico trabalhado dentro do tema: a vida. Esta abordagem veio comprovar que, para Nietzsche, o ser humano tende a uma busca por potência, pois esta traz dinamismo, força, domínio, vigor e desejo de sempre auto-superar-se. A “vontade de potência” é uma busca constante de se alcançar o “possível”.

Continue reading A vontade de potência como vida